Impactos do turismo em áreas naturais de Roraima são alvo de estudo acadêmico

Compreender quais os impactos ambientais, sociais, culturais políticos e econômicos decorrentes da visitação turística em regiões ambientais no estado de Roraima. Esse é o objetivo do projeto de pesquisa “Impactos multidimensionais em áreas naturais da Amazônia Setentrional: Cenários, dimensões e desafios”, desenvolvido pelo Núcleo de Práticas em Gestão do Centro Universitário Estácio em conjunto com o curso de Turismo da Universidade Estadual de Roraima (UERR).

De acordo com o professor Bruno Brito, que ministra aulas nos cursos de Publicidade e Propaganda, Administração de Empresas e Agronegócios no Centro Universitário Estácio da Amazônia, as belezas de Roraima servem como motivação para que pessoas de todo o país visitem e desfrutem de momentos de lazer e descanso nesses espaços. No entanto, por conta da intensa visitação, muitas vezes esses atrativos turísticos acabam sofrendo diversos impactos. “O projeto surgiu a partir da preocupação sobre o aproveitamento ambiental dos atrativos turísticos de Roraima. Além disso, interessa-nos saber de que forma os empreendimentos locais compartilham a responsabilidade de promover e utilizar esses atrativos turísticos”, explicou o professor.

Para atingir esse objetivo, o projeto foi divido em etapas. Será necessário historiar as áreas naturais, objeto do estudo, mensurar e caracterizar a natureza da visitação, classificar o perfil do visitante das áreas naturais pesquisadas, caracterizar a infra e superestrutura local que se volta para o aproveitamento turístico das áreas naturais e mensurar e mapear os impactos.

Nesse sábado, dia 7, foi realizada a primeira etapa do trabalho com a visitação das corredeiras do Bem Querer, que ficam no município de Caracaraí, região Sul do estado. A atividade envolveu professores e estudantes dos cursos de Turismo da UERR e de Administração da Estácio. A próxima visita será realizada entre os dias 26 e 29 de abril no município de Uiramutã.

Ao final dessa etapa de visitação, conforme o professor, será construído um relatório de dados e informações capazes de compreender a dinâmica do turismo naquele atrativo, bem como estabelecer marcos referenciais capazes de subsidiar um planejamento estratégico voltado ao desenvolvimento sustentável do turismo em Roraima.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

MEUS POSTS DESTACADOS

Dica Cultural: Planeta Borboleta

10.09.2019

1/10
Please reload

MEUS POSTS RECENTES

Please reload

SIGA

  • Facebook Long Shadow
  • Google+ Long Shadow
  • LinkedIn Long Shadow
  • Twitter Long Shadow

FICO SEMPRE CONTENTE

EM CONHECER MEUS LEITORES E COMPARTILHAR CONHECIMENTOS E IDÉIAS 

 

ME ESCREVA 

Teozeta Parente

© 2017 POR TEOZETA PARENTE.

CRIADO POR ALEX FREITAS